Archive for novembro \06\UTC 2009

Recado para o Diários Associados

06/11/2009

Recado Para o Diários Associados

CÓDIGO DE ÉTICA DO JORNALISTA

06/11/2009

CÓDIGO DE ÉTICA DO JORNALISTA

I- Do Direito à Informação

Art. 1º- O acesso à informação pública é um direito inerente à condição de vida em sociedade, que não pode ser impedido por nenhum tipo de interesse.

Art. 2º- A divulgação da informação, precisa e correta, é dever dos meios de comunicação pública, independente da natureza de sua propriedade.

Art. 3º- A informação divulgada pelos meios de comunicação pública se pautará pela real ocorrência dos fatos e terá por finalidade o interesse social e coletivo.

Art. 4º- A prestação de informações pelas instituições públicas, privadas e particulares, cujas atividades produzam efeito na vida em sociedade, é uma obrigação social.

Art. 5º- A obstrução direta ou indireta à livre divulgação da informação e a aplicação de censura e autocensura são um delito contra a sociedade.

Tem muito jornalista aqui em Minas que precisava dar uma reciclada, pois desconhecem estes 5 artigos.

O grande repúdio dos mineiros, por Laís Menini

06/11/2009

Tomo a liberdade sem consultar a autora para postar este texto excelente, lúcido e racional desta jornalista que honra o diploma que tem. Se ela ou alguém próximo a ela, ou os excelentes companheiros do sitio dos Guerreiros dos Gramados desautorizar, retiramos o post imediatamente. De antemão agradeço e nos desculpamos pelo uso sem solicitação.

Mas o fato é que CRUZEIRENSE QUE TIVER VERGONHA NA CARA VAI SEGUIR O QUE ESTA JORNALISTA FEZ.

Sou uma jornalista mineira que, a partir de hoje, não compra e não lê mais o jornal Estado de Minas. Esse veículo, que se intitula “o grande jornal dos mineiros”, para mim, a partir de hoje, não passa de um jornaleco que de mineiro não tem nada.

Mineiro contesta. Mineiro argumenta com inteligência. Mineiro reconhece grandes feitos, e mineiro reconhece também quando erra.

Não sei se alguém aqui concorda comigo, mas nenhuma dessas afirmativas é sustentada pelo Estado de Minas. Aliás, por favor, mudem de nome. Que vergonha é ter a palavra “Minas” como um símbolo tão dispensável.

Muito se falou sobre a cobertura do jogo de despedida do Sorín, onde o único veículo que se sobressaiu foi a Rede Globo, que fez até um hotsite para a festa. Mas é o dia seguinte que está me matando.

Enquanto Alex Escobar mostrou os gols como fechamento das notícias de esporte do Bom Dia, Brasil, em rede nacional, enaltecendo a festa da torcida cruzeirense, o “grande” jornal dos “mineiros” deu uma notinha com uma foto que, dá licença, não fazia parte do contexto. O texto, completamente sem emoção, me deu vergonha. Quem cair de Marte agora na Terra e ler o EM de hoje não vai pensar que foi um jogo de despedida; nas linhas desse jornal, muito parece um joguinho de terceira divisão onde dois jogadores marcaram dois gols imprecisos. É muita falta de competência.

Como se o desapontamento já não fosse o ponto alto, o fiasco continua. Mude a página (se tiver comprado esse lixo) e veja uma página inteira com entrevista e perfil de Diego Tardelli, ao lado de outra página inteira (de praxe para os dois times) de notícias do Atlético-MG. Na semana passada, Carini foi o dono de uma página inteira, falando sempre mais do mesmo. Jogador do Cruzeiro? Bobagem.

Eu não tenho absolutamente nada contra a pessoa do Diego Tardelli, não torço por seu insucesso e nem o desejo nada de ruim. Para mim, ele não fede nem cheira. Mas que baita falta de respeito, hein, EM? Diego é artilheiro do campeonato brasileiro, é ídolo dos rivais, mas tem tantas outras semanas pra falar sobre o que ele bem entender! Por que não dar este espaço e perfilar o ídolo Sorín, que não é mais jogador de futebol, a partir de hoje?

Façam um caderno especial sobre o Atlético-MG, um encarte diário. Não me importo. Mas vocês perderam todo o respeito que ainda restava da massa azul ao apagar Sorín dessa forma. Meus queridos jornalistinhas, deixem titia explicar a grandeza da noite de ontem: Juan Pablo Sorín é um nome tatuado na história do Cruzeiro há nove anos, e não há nove rodadas. É um ídolo de gerações, e não de situações de títulos. Como ficou bem claro, ele não precisa fazer nada dentro de campo (ou fora dele) para que continue sendo ídolo. Tem o amor e o respeito da torcida. É uma pena que não tenha esse respeito da imprensa mineira que, ironicamente, o próprio Sorín tanto prestigiou.

A partir de hoje, não compro e não leio mais o Estado de Minas e sugiro que, quem quiser, faça o mesmo. Isso não é ciuminho bobo, isso é fato, e contra fatos não existem argumentos. É uma vergonha ser jornalista por diploma em um estado com uma imprensa tão suja e tão vendida. E depois alguém ainda contesta o “padrão Globo de qualidade”.

Se acharem algum exemplar na rua, no entanto, levem pra casa. A época das muitas chuvas está batendo à nossa porta e ter jornal pra botar no chão molhado sempre ajuda. Enfim, pra alguma coisa, essa síntese de besteiras deve servir.

Por: Laís Menini, do GDG

Despedida do Sorin x Festa do Centenário do Minúsculo

06/11/2009

Despedida do Sorin 2009 (15 anos de carreira):
Currículo: 1 Libertadores da América, 1 Supercopa, 3 Aperturas, 1 Clausura, 1 Copa do Brasil, 2 Copa Sul-Minas, 1 Copa UEFA e 1 Copa da França. (11 títulos)
Jogo Principal: Cruzeiro 2 x 1 Argentinos Juniors (os dois times já ganharam Libertadores)
Público: 62 mil (fonte globo.com)
Show: Skank (banda mineira com vocalista cruzeirense fanático, que tem música gravada no disco oficial da Copa do Mundo de 1998)
Preliminar: Jogo entre artistas
Apoio da imprensa local: parcial

Centernada da Frangas 2008:
Currículo: 1 Campeonato Brasileiro 1971. (1 título)
Jogo Principal: Atlético-MG 1 x 1 Peñarol (só o Peñarol ganhou Libertadores)
Público: 44.734
Show: Jammil e Uma Noites (banda baiana e nenhum integrante torce pelo Atlético Mineiro)
Preliminar: não teve
Apoio da imprensa local: TOTAL

04-11-2009 – Dia em que o Diários Associados boicotou a despedida do Sorín

04/11/2009

Não me venham falar em “jogo da Globo” pois a história do Sorín no Cruzeiro tem que ser maior que isso. Afinal, a Globo também tem os direitos do Brasileirão e nem por isso o Diários Associados boicota. “Jornalistas” (Isso é jornalismo?) do Alterosa Esporte, Estado de Minas, Aqui e Superesportes.com.br vivem dando lição de moral cobrando que os clubes valorizem seus ídolos e sua história. Mas agora viram as costas para a despedida de um ídolo conhecido mundialmente. Um cara que leva a marca do Cruzeiro para todos os cantos. E o jogo amistoso do centenário do Atlético-MG contra o Peñarol? Jogo da Globo. Não me lembro do DIARIOS ASSOCIADOS boicotar. Se a torcida do Cruzeiro não merece respeito e não é mais importante que a ciumeira desses “jornalistas”, vamos protestar contra eles.

DIA 04 DE NOVEMBRO DE 2009 – DIA EM QUE O DIÁRIOS ASSOCIADOS BOICOTOU A DESPEDIDA DO SORÍN.

JAMAIS ESQUECEREI!

SORÍN ETERNO? Menos para Alterosa Esporte, Estado de Minas, Aqui e Superesportes.com.br. Para eles, Sorín já morreu.

Diários Associados BOICOTAM a despedida do Sorin!

04/11/2009

Venho aqui para chamar a atenção dos grandes cruzeirenses para mais uma canalhice da imprensa de penas.
Reparem na “cobertura” dada ao jogo do Sorin pelos seguintes meios de comunicação:
– Site superesportes
– Jornal aqui
– Jornal Estado de Minas
– TV Alterosa
Como vocês devem ter notado, o jogo de despedida do Sorin não foi destaque em nenhum deles, tampouco a troca de mais de 50.000 alimentos por entradas no estádio para amanhã.
Não bastasse a “campanha” para o título das galinhas, como se só elas estivessem disputando o caneco, a blindagem ao horroroso Celso Roth, isentando-o de críticas, e criando intriga todo dia contra o Adílson, agora essa da marginalização do jogo de despedida de um dos maiores ídolos da história recente do clube.
Quando te questionarem o porquê de campanhas contra esses medíocres, e da existência da vigília http://www.imprensamineira.org lembrem-se de canalhices como essa do jogo de amanhã.
Há 24 horas do jogo, ele não é destacado nem na primeira página do site Superesportes, dos jornais Estado de Minas e Aqui, e não é mencionado na tv Alterosa.
Abram o olho, minha gente, os fatos estão aí.
Diários Associados, lembraremos sempre do Sorin, e do que vocês fizeram com o evento de despedida dele!
Vida que segue, e o boicote também…